Media

A Veolia construiu a maior fábrica de tratamento de lamas do mundo em Hong Kong.

31 maio 2016  • Àgua
Paris e Hong Kong, 31 Maio 2016
A Veolia inaugura em Hong Kong a maior fábrica de tratamento e recuperação de lamas do mundo.
 
 
Selecionada pelo governo de Hong Kong para construir e operar uma fábrica de tratamento de lamas de 11 estações de tratamento de águas residuais, correspondente ao território de 7,2 milhões de pessoas, a Veolia está agora aos comandos de uma fábrica que é excepcional em vários aspectos: ambiental, tecnológico e social. Um concentrado auto-suficiente de inovação, água e energia, esta fábrica concilia ecologia urbana com a arte de viver. É um exemplo de economia circular servindo o desenvolvimento económico e o ambiente.
 

 
É a maior estação de incineração de lamas do mundo: 2.000 toneladas de lamas das 11 estações de tratamento de águas residuais de Hong Kong são aqui tratadas diáriamente. A fábrica de sete hectares localizada em frente a Deep Bay e Shenzhen, com 360 metros de comprimento e 50 metros de altura, é claramente uma referência para os padrões ambientais exigidos pelo governo de Hong Kong e a sua estratégia de gestão sustentável de resíduos. Como a fábrica não faz descargas de águas residuais e transforma lamas em electricidade, fornece desta forma uma solução totalmente limpa e ecológica para uma das formas mais difíceis de tratamento da poluição urbana.
 
Encomendada após quatro anos de concepção e construção, este "local de excelência" reflete os conhecimentos de vanguarda da Veolia Water Technologies, a nossa subsidiária tecnológica que projectou e construiu a fábrica; o gabinete de arquitetura francês Claude Vasconi, que projetou e integrou na totalidade o conceito na paisagem circundante entre o mar e as montanhas; e as nossas equipas encarregadas de operar esta fábrica para os próximos 15 anos.              
 
As principais estruturas desta fábrica são os fornos das caldeiras geradores de vapor que alimentam as turbinas de energia eléctrica, e as unidades de tratamento dos gases de combustão que operam em conformidade com as mais rigorosas normas de emissões, a tecnologia utilizada para o tratamento das lamas reduz no final os resíduos em 90%, ajudando assim a proteger o meio ambiente.
 
A eletricidade gerada a partir do processo de tratamento de lamas cobre as necessidades da fábrica, e uma fábrica de dessalinização de água do mar fornece a água para o processo necessário para a operacionalidade do local. O seu desempenho é tal que além de ser um local industrial, esta fábrica é também um local ecológico notável e um centro de aprendizagem ambiental. Inclui um jardim ecológico que apresenta a biodiversidade local e um centro de descoberta para os visitantes aprenderem a forma de funcionamento da fábrica. Há também um café com vista para o mar, uma piscina aquecida, uma sala de conferências e até mesmo um deck de observação.
 
 
Veolia_Hong Kong.











Transformar resíduos numa fonte de energia renovável; esta instalação é um excelente exemplo de economia circular valorizando materiais previamente considerados inúteis. Ao fechar o círculo do ciclo de materiais, água e energia, esta “outra” economia fornece uma solução eficaz para a crescente escassez de matérias-primas, combustíveis fósseis e mudanças climáticas: todos os desafios enfrentados pela China e a Ásia – como aliás, por todos os continentes. Eis porque a economia circular é uma das principais áreas de enfoque para o crescimento da Veolia.
 
 
"A história desta fábrica é a história de um projeto que se tornou uma referência na indústria da água", afirma Antoine Frérot, Chairman e Chief Executive Officer da Veolia. "Demonstra como serão as estações de tratamento de águas do futuro. O resultado de uma cooperação frutuosa entre entidades da Companhia e vários parceiros, na vanguarda dos quais está o governo de Hong Kong, esta fábrica é um excelente exemplo da revolução em curso nas indústrias ambientais, na qual Veolia desempenha um papel pioneiro ", acrescenta Antoine Frérot
 
  
 
 
O grupo Veolia é a referência mundial da gestão optimizada de recursos. Presente nos cinco continentes com mais de 174 000 colaboradores, o Grupo concebe e implementa soluções para a gestão da água, resíduos e energia, participando no desenvolvimento sustentável das cidades e industrias. Através das suas três actividades complementares a Veolia ajuda a desenvolver o acesso aos recursos, e à sua conservação e renovação.
Em 2015, o grupo Veolia forneceu 100 milhões de habitantes com água potável e 63 milhões com serviços de águas residuais, produziu 63 milhões de megawatts/hora e valorizou 42,9 milhões de toneladas de resíduos. A Veolia Environnement (Paris Euronext: VIE) alcançou em 2015 um volume de negócios consolidado de 25 mil milhões de euros. www.veolia.com