Como participar em 2021?

Tudo o que precisas de saber - critérios de elegibilidade, como candidatar, quais as condições, ... - para a tua associação de estudantes se candidatar ao Prémio Estudantes Solidários da Veolia

Os jovens, especialmente os estudantes, revelam uma grande capacidade de envolvimento e participação em prol das comunidades.

O Prémio Estudantes Solidários, promovido pela Fundação Veolia, reconhece projetos inovadores desenvolvidos por associações de estudantes do ensino superior nas áreas prioritárias de intervenção da Fundação: ajuda internacional ao desenvolvimento, promoção de laços sociais e apoio ao emprego, proteção do ambiente e da biodiversidade.

Apesar da pandemia, a Fundação Veolia continua em 2021 a promover o envolvimento dos jovens na construção de uma sociedade mais sustentável e inclusiva através da edição de 2021 do Prémio Estudantes Solidários. 

Datas relevantes em 2021:

  • 4 Março: abertura da plataforma para submissão das candidaturas
  • 30 Abril: último dia para submissão de candidaturas
  • Junho: Cerimónia de Prémios
A quem se dirige o concurso?

O Prémio Estudantes Solidários é destinado a associações de estudantes (formalmente constituídas) do ensino superior nos países onde a Veolia desenvolve atividade.

Duas ou mais associações podem juntar-se e submeter uma aplicação conjunta, sendo que nestes casos uma das associações será designada de líder do projeto e será a interlocutora com a organização do concurso.

Como candidatar?

A candidatura deve ser feita até 30 de abril em http://fondation.pse.veolia.com/ 

Facebook page para saber mais 

Quais são os critérios de seleção?

Os projetos candidatos devem inscrever-se numa das três áreas prioritárias de intervenção da Fundação Veolia:

  • ajuda internacional ao desenvolvimento,
  • promoção de laços sociais e apoio ao emprego,
  • proteção do ambiente e da biodiversidade.

Os projetos candidatos serão avaliados de acordo com os seguintes critérios:

  • Qualidade da candidatura (clareza de exposição, relevância da metodologias, cumprimento da elegibilidade)
  • Profissionalismo da abordagem proposta (conhecimento do contexto local, adequado balanço entre as necessidades identificadas e e as soluções desenvolvidas, envolvimento dos stakeholders relevantes)
  • Viabilidade (objetivos claros, viabilidade técnica e financeira, realismo no planeamento, experiência do líder de projeto, qualidade dos parceiros e envolvimento de stakeholders relevantes)
  • Impacto (relevância dos indicadores propostos para avaliar os impactos do projeto em termos concretos)
  • Sinergias (de acordo com os recursos necessários, capacidade do líder de projeto para angariar apoio externo ou co-financiamento)
  • Tipo de apoio solicitado (investimento e formação são as tipologias de apoio que o Prémio considera prioritárias)
  • Continuidade (serem contemplados desafios relacionados com a continuidade do projeto em termos de formação, desenvolvimento, envolvimento de parceiros locais, ...)
Como decorre a seleção?

Em duas fase:

1 - Shortlist

As candidaturas são analisadas conforme vão chegando pela equipa da Fundação Veolia envolvida na organização do Prémio, de forma a ser criada uma shortlist.

 

2 - Juri seleciona vencedores

Um juri de 7 elementos, em representação da Fundação Veolia, área de Recursos Humanos da Veolia, escolas e univesidades, reunem e selecionam os melhores projetos.

Quais são os prémios?

Prémio pecuniário: de 10.000,00€ a distribuir pelos três projetos vencedores

Apoio técnico:  de colaboradores da Veolia especialistas em água, energia e resíduos e que podem apoiar com as suas competências os projetos vencedores.